Seguidores

sábado, 31 de outubro de 2015

Tema de Redação – Cásper Líbero – 2014

Tema de Redação – Cásper Líbero – 2014



            A partir das ideias expostas nos dois textos a seguir, escreva um texto dissertativo em prosa no qual você discuta a natureza das táticas adotadas pelos black blocs nas manifestações de rua que têm ocorrido no Brasil no ano de 2013.

Texto 1

            “O que nos motiva é a insatisfação com o sistema político e econômico. Nossa sociedade vive permeada por símbolos. Participar de um Black Bloc é fazer uso deles para quebrar preconceitos, não só do alvo atacado, mas da ideia de vandalismo. Não há violência. Há performance. Não me sinto representado por partidos. Não sou a favor de democracia representativa e, sim, de uma democracia direta. Não se trata de depredar pelo simples prazer de quebrar ou pichar coisas, mas de atacar o símbolo representado ali. Quando atacamos uma agência bancária, não somos ingênuos de acreditar que estamos ajudando a falir um banco, mas tornando evidente a insanidade do capitalismo. Política também se faz com as próprias mãos.”

(Roberto [nome fictício], 26 anos, em depoimento à revista Carta Capital n. 760.).

Texto 2

            “(...) passa-se a ter com a realidade uma relação do mesmo tipo: eu quero, então acontece. Como num ato mágico. Sem mediação. Essa relação mágica com a realidade está diretamente relacionada com um elemento poderosíssimo da sociedade de consumo: a satisfação imediata do desejo. É uma das raízes da violência, porque anula a mediação, quando na verdade, o desejo precisa de mediação. No âmbito das manifestações, isso se expressa pela recusa da mediação política. (...) Ora, quando se tira a mediação institucional, o que se pede é a ditadura. Por exemplo, quando vi um rapaz enrolado na bandeira brasileira dizer ‘meu partido é meu país’, falei comigo mesma: ‘É algum neonazista que comanda esse menino, pois esse foi o discurso nazista para a supressão dos partidos políticos!’ (...) Eu sempre digo: a crítica aos partidos brasileiros é justificada, a crítica aos governos é justificada, o que não é justificado é não perceber qual a origem desse sistema partidário, qual é a origem desse sistema eleitoral e como se luta contra ele. Não se luta suprimindo os partidos, mas produzindo uma nova institucionalidade.”

(Marilena Chauí, filósofa, em entrevista à revista Cult n. 182.).

Observações:

1. Você não é obrigado a tomar uma posição contra ou a favor dos black blocs, já que o objetivo da redação é avaliar a capacidade do candidato de examinar uma questão complexa por meio da análise de argumentos variados.
2. Cuide para que seu texto não se transforme em um amontoado de frases feitas e clichês sobre o tema. Procure desenvolver um ponto de vista consistente e expressivo sobre o que será abordado, expondo as ideias de modo coerente.
3. O texto deve ser escrito na variante culta formal da língua portuguesa. Portanto, não use gírias e certos recursos expressivos informais.
4. Embora se trate de um texto dissertativo, é plenamente possível que o candidato se expresse na 1ª, 2ª ou 3ª pessoas do discurso.


Leia também:

Nenhum comentário:

Postar um comentário