Seguidores

domingo, 9 de novembro de 2014

Tema de Redação - UFRJ - 2011

Tema de Redação - UFRJ - 2011

Redação

Considerando a pergunta “O que há de errado com a felicidade?”, bem como os fragmentos e o poema a seguir, redija um texto dissertativo-argumentativo em que você problematize os parâmetros de felicidade no cenário contemporâneo e defenda suas reflexões.

Texto 1:

“(...) Dispomos de um número incessantemente aumentado de objetos e de lazeres: não se vê a
sociedade mais radiante por isso. Consome-se três vezes mais energia que nos anos 1960: a quem faremos crer que somos três vezes mais felizes? A ideia é justa: o Produto Interno Bruto não é a Felicidade Nacional Bruta, a vida boa não pode ser confundida com o avanço consumista. (...)”

(LIPOVETSKY, Gilles. Trad. Maria Lucia Machado. A felicidade paradoxal: ensaio sobre a sociedade de hiperconsumo. São Paulo: Cia. das Letras. 2009.)

Texto 2:

Minha alegria

Minha alegria permanece eternidades soterrada
e só sobe para a superfície
através dos tubos de filtros alquímicos
e não da causalidade natural.
Ela é filha bastarda do desvio e da desgraça,
minha alegria:
um diamante gerado pela combustão,
como rescaldo final de incêndio.

(SALOMÃO, Waly. In: FERRAZ, Eucanaã. (org.) Veneno antimonotonia. Os melhores poemas e canções contra o tédio. Rio de Janeiro: Objetiva, 2005.)

Texto 3:

Certificação Riso 9000

“Toda empresa de sucesso e visão conhece a importância de garantir a qualidade de seus processos, produtos e serviços. Também já percebeu que é preciso cuidar bastante de quem faz tudo isso acontecer – é fundamental que o funcionário funcione sempre bem!
(...) atendendo a pedidos, os Doutores da Alegria criaram uma certificação inovadora: a Riso 9000, que atesta níveis saudáveis de alegria no local de trabalho. A alegria nas relações – com o trabalho, os colegas e até com as adversidades que vez ou outra insistem em acontecer – mantém a criatividade e a energia em alta, e de lambuja transforma o ambiente com a quebra positiva da rotina. (...)”

(http://www.doutoresdaalegria.org.br/nufo/criacoes_i_certifi cado.asp)

Texto 4:

“(...) o desequilíbrio leva a mudanças que levam ao surgimento de formas complexas que levam ao equilíbrio. Essa é a essência do ciclo de criação da Natureza: qualquer transformação é induzida por alguma imperfeição. (...)

(GLEISER, Marcelo. Criação imperfeita. Cosmo, Vida e o Código Oculto da Natureza. Rio de Janeiro: Record, 2010).

ORIENTAÇÕES:

a) Evite copiar passagens dos textos ou dos fragmentos apresentados.
b) Redija seu texto em prosa, de acordo com a norma culta escrita da língua.
c) Redija um texto de 25 a 30 linhas.
d) Atribua um título a seu texto.


Leia também:

Nenhum comentário:

Postar um comentário