Seguidores

domingo, 29 de janeiro de 2012

CONCURSO PÚBLICO – CARGO: SOLDADO PM TEMPORÁRIO – SP – 2011 – PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA

CONCURSO PÚBLICO – CARGO: SOLDADO PM TEMPORÁRIO – SP – 2011

PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA

Leia o texto para responder às questões de números 01 a 05.

Solteiros e solteiras

Uma queixa habitual das mulheres é de que faltam homens na praça − leia-se homens solteiros e disponíveis. Mas o IBGE, que veio ao mundo para desfazer dúvidas quantitativas, acaba de apurar que há 31,9 milhões de homens solteiros no Brasil contra 30,4 milhões de mulheres. Ou seja, com um saldo de 1,5 milhão de homens prontos para o abate, não será por falta de material que tantas mulheres continuarão encalhadas.
O problema, no entanto, não é estatístico, mas comportamental: a tendência do homem a não ter pressa de assumir compromissos sérios e passar anos pesquisando o mercado antes de se decidir a investir. Sempre foi assim.
E, se a querida leitora já estava desanimada, lamento informá-la de que a situação tem tudo para piorar. Com a recente mania dos homens de continuarem morando com a mãe até os 40 anos, a taxa de rapazes casadouros promete diminuir ainda mais.
Segundo o IBGE, essa discrepância quantitativa não é geograficamente uniforme, alguns Estados do Brasil serão mais propícios do que outros para que as mulheres encontrem seu par do baralho.
Nesse sentido, nenhum supera Santa Catarina. Lá são 122 solteiros para cada cem solteiras. Outros Estados em que a oferta masculina é considerável são Tocantins, Mato Grosso e Espírito Santo. Já São Paulo está apenas na média: 108 contra cem. E, em
alguns Estados, há tantos homens quanto mulheres.
O Rio, por exemplo, tem pequeno déficit: são 99,55 homens para cada cem mulheres − o 0,45 saiu para comprar cigarros e não voltou.
Já no Distrito Federal faltam nove homens para as cem mulheres. Se o amigo nunca encontrou motivo para ir até lá, agora já tem um.

(Ruy Castro, Folha de S.Paulo, 13.09.2010. Adaptado)

01. De acordo com a leitura do texto, pode-se concluir que

(A) o IBGE provou que, no Brasil, há menos homens do que mulheres, portanto é válida a queixa das mulheres sobre esse assunto.
(B) o cronista escreve o texto especialmente para as mulheres, não se dirigindo, portanto, aos homens, ao fazer suas considerações.
(C) no Rio de Janeiro há uma expressiva diferença entre o número de mulheres e o de homens.
(D) as mulheres que procuram um companheiro terão mais chances de encontrá-lo em Santa Catarina.
(E) os homens não têm pressa em se casar porque se preocupam, primeiramente, com o mercado de trabalho e com os investimentos.

02. Para o cronista, a situação para as mulheres “tem tudo para piorar”, pois

(A) as estatísticas apresentadas pelo IBGE não são confiáveis.
(B) Tocantins, Mato Grosso e Espírito Santo têm baixa população masculina.
(C) os homens preferem aproveitar, até os 40 anos, as mordomias da casa dos pais.
(D) as mulheres tachadas de “encalhadas” são discriminadas na sociedade contemporânea.
(E) os homens casadouros na faixa dos 40 anos são considerados muito velhos para algumas mulheres.

03. Assinale a alternativa em cujo trecho o cronista usou o humor para expressar suas ideias.

(A) ... acaba de apurar que há 31,9 milhões de homens solteiros no Brasil... (1.º parágrafo)
(B) O problema, no entanto, não é estatístico, mas comportamental... (2.º parágrafo)
(C) Lá são 122 solteiros para cada cem solteiras. (5.º parágrafo)
(D) E, em alguns Estados, há tantos homens quanto mulheres. (5.º parágrafo)
(E) ... o 0,45 saiu para comprar cigarros e não voltou. (6.º parágrafo)

04. Considere o trecho do texto.

Segundo o IBGE, essa discrepância quantitativa não é geograficamente uniforme, alguns Estados do Brasil serão mais propícios do que outros para que as mulheres encontrem seu
par do baralho.

O termo em destaque pode ser substituído, sem alteração do sentido do texto, por

(A) divergência.
(B) harmonia.
(C) imparcialidade.
(D) paridade.
(E) semelhança.

05. Considere os trechos em destaque.

I. Ou seja, com um saldo de 1,5 milhão de homens prontos para o abate...
II. ... mais propícios do que outros para que as mulheres encontrem seu par do baralho.
III. E, em alguns Estados, há tantos homens quanto mulheres.

Apresenta(m) linguagem figurada

(A) I, apenas.
(B) III, apenas.
(C) I e II, apenas.
(D) II e III, apenas.
(E) I, II e III.

Considere a tirinha em que aparecem, respectivamente, as personagens do Recruta Zero e de seu colega Dentinho, para responder às questões de números 06 e 07.

06. No último quadrinho, a intenção é que o humor seja conseqüência

(A) da chegada dos oficiais que surpreendem os dois soldados.
(B) do fato de Dentinho não compreender as práticas militares.
(C) da maneira autoritária com que o Recruta Zero se dirige ao colega.
(D) do receio que os dois soldados têm de serem advertidos pelos superiores.
(E) do gesto de Dentinho que tem o objetivo de ofender o colega


07. Em − Bata continência de novo! − o verbo em destaque está no imperativo.
Assinale a alternativa em que o verbo empregado também está no imperativo.

(A) O soldado pôs diesel nos caminhões do quartel.
(B) Se ela quisesse, poderia se alistar nas Forças Armadas.
(C) Quando sair, informe o seu destino aos oficiais de plantão.
(D) Em novembro, o quartel passará por várias reformas.
(E) O soldado foi chamado para prestar esclarecimentos sobre o acidente.

Considere o texto para responder às questões de números 08 e 09.

Mototáxi terá de usar antena contra linha com cerol

Antenas contra linhas com cerol e proteção para as pernas conhecidas como “mata-cachorro” passam a ser obrigatórias a partir de hoje em motos usadas para frete e transporte. As multas, porém, só serão aplicadas daqui a um ano.
De acordo com o Denatran (Departamento Nacional de Trânsito), o prazo está estabelecido em uma lei que trata da regulamentação da profissão de mototáxi e motofretista e serve para a adaptação às novas regras.
Ontem o Órgão confirmou que as multas irão ocorrer apenas em 2012.

(Folha de S.Paulo, 04.08.2011. Adaptado)

08. Assinale a alternativa correta sobre o texto.

(A) Os mototáxis e motofretistas receberão multas se, em 2012, não estiverem circulando em conformidade com a nova lei.
(B) Para evitar acidentes, especialmente com linhas com cerol, o passageiro deverá usar o mata-cachorro, mas o piloto fica dispensado de usar esse equipamento.
(C) As multas serão aplicadas apenas em 2012, porque a lei está em discussão e ainda não foi aprovada pelo município.
(D) A nova lei que exige antenas e mata-cachorro tem por objetivo proteger aqueles que usam a moto como lazer.
(E) Antenas e proteção para as pernas serão de uso obrigatório para os motoqueiros somente a partir de 2012.

09. Em − As multas, porém, só serão aplicadas daqui a um ano. − o termo em destaque pode ser substituído, sem alterar o sentido do texto, por

(A) portanto.
(B) pois.
(C) embora.
(D) no entanto.
(E) desse modo.

Considere a tirinha para responder às questões de números 10 e 11.


  10. Pela leitura, conclui-se que a encrenca a que a personagem se refere é

(A) a pensão que tem de pagar à ex-esposa todo mês.
(B) a alta taxa de cobrança do imposto de renda.
(C) a dificuldade de compreender o extrato bancário.
(D) o valor recebido pelas horas extras que não corresponde às despesas.
(E) o desequilíbrio entre o salário recebido e os gastos necessários.


11. Em − ... e a linha 3 é a encrenca em que estou metido. – o trecho em destaque pode ser substituído, sem alteração de sentido, por

(A) da qual me encontro.
(B) com que me deparo.
(C) para que me vejo.
(D) em que me preocupo.
(E) pela qual me percebo.

Considere o texto para responder às questões de números 12 a 14.

Superlotada, cadeia de Sobral usa gansos para evitar fuga de presos

O diretor da cadeia pública de Sobral (CE) resolveu usar gansos para evitar fugas. As duas aves ficam fora do prédio e “avisam” se algum preso chega perto da muralha, pois elas grasnam muito alto.
“Está funcionando. Eles dão o alerta a qualquer movimento. Ainda não tivemos fugas”, diz o diretor da unidade, Wellington Picanço.
A unidade está superlotada: tem 153 vagas e 208 presos. Há dois agentes penitenciários no local, quando o recomendado, segundo Picanço, são quatro.
O diretor afirmou que ganhou os gansos de presente e os levou para a unidade após saber que outros Estados já haviam feito a experiência.

(Folha de S.Paulo, 12.08.2011. Adaptado)

12. Assinale a alternativa correta sobre o texto.

(A) Os Estados brasileiros usarão gansos para ajudar no controle dos presos, pois há número insuficiente de agentes penitenciários.
(B) O diretor da cadeia pública de Sobral será punido por ter substituído agentes penitenciários por gansos.
(C) Os gansos alertam os agentes penitenciários, pois as aves fazem muito barulho quando um preso se aproxima da muralha.
(D) Ao levar os gansos para a cadeia, o diretor foi criativo, pois foi o primeiro a pensar nessa solução para a falta de funcionários.
(E) A unidade está superlotada, por isso são necessários bem mais do que os quatro agentes penitenciários existentes.

13. Assinale a alternativa em que a expressão destacada expressa finalidade.

(A) ... resolveu usar gansos para evitar fugas.
(B) As duas aves ficam fora do prédio...
(C) Ainda não tivemos fugas, diz o diretor...
(D) A unidade está superlotada: tem 153 vagas e 208 presos.
(E) O diretor afirmou que ganhou os gansos de presente...

14. Assinale a alternativa que apresenta a relação correta entre o trecho em destaque e a circunstância que ele expressa.

(A) As duas aves ficam fora do prédio... (modo)
(B) ... se algum preso chega perto da muralha... (causa)
(C) ... pois elas grasnam muito alto. (meio)
(D) Eles dão o alerta a qualquer momento. (tempo)
(E) Ainda não tivemos fugas... (intensidade)

Considere a charge para responder às questões de números 15 e 16.

  
15. De acordo com a leitura da charge, pode-se afirmar que o personagem não consegue dormir porque

(A) sofre de insônia há vários anos, o que o deixa desgastado para o trabalho.
(B) teme o surgimento de alguma máquina que realize o tipo de atividade que ele exerce.
(C) sente a pressão dos patrões para que a produtividade de seu setor na empresa aumente.
(D) considera-se, apesar dos receios, uma pessoa versátil e jovem, como espera o mercado de trabalho.
(E) está preocupado com os estrangeiros que estão assumindo os postos de brasileiros no mercado de trabalho.

16. Em − ... em algum lugar do mundo, alguém está inventando algo... − os termos em destaque são

(A) adjetivos, pois informam as características do personagem.
(B) advérbios, pois indicam como o personagem se comporta.
(C) substantivos, pois expressam a angústia do personagem.
(D) pronomes demonstrativos, pois descrevem o ambiente onde vive o personagem.
(E) pronomes indefinidos, pois passam as informações de forma generalizada.

17. Assinale a alternativa correta quanto ao emprego do acento indicativo de crase.

(A) O chefe disse à ele que treinasse os novos estagiários.
(B) Escolhemos às frutas conforme a nutricionista orientou.
(C) Viajou à São Paulo para rever amigos.
(D) Vendeu toda a mercadoria à prazo.
(E) O rapaz saiu às pressas para encontrar a namorada.

18. Assinale a alternativa em que o pronome foi empregado de acordo com as normas gramaticais.

(A) Pediu para mim conferir as planilhas de gastos.
(B) O médico avisou ela que tudo estava bem.
(C) No jantar, contou-nos sobre os colegas de profissão.
(D) Nós se encontramos durante um evento esportivo.
(E) Levaremos um amigo com nós na próxima viagem.

19. Assinale a alternativa em que o verbo em destaque foi empregado de acordo com as normas gramaticais.

(A) O jornal nos mantém informados sobre os fatos nacionais e mundiais.
(B) Até agora, não houveram fugas da cadeia de Sobral.
(C) Fazem anos que ele se divorciou da esposa.
(D) Terminou os cursos de férias oferecidos neste centro cultural.
(E) O casal ficaram felizes com a adoção do bebê.

20. Assinale a alternativa correta quanto à pontuação.

(A) Os soldados, que demonstraram, coragem no perigoso resgate deram gentilmente depoimentos aos jornalistas.
(B) Os soldados que demonstraram coragem no perigoso resgate, deram gentilmente, depoimentos aos jornalistas.
(C) Os soldados que demonstraram coragem, no perigoso resgate deram gentilmente depoimentos aos jornalistas.
(D) Os soldados que demonstraram coragem no perigoso resgate deram, gentilmente, depoimentos aos jornalistas.
(E) Os soldados que demonstraram, coragem no perigoso resgate, deram gentilmente depoimentos aos jornalistas.

Gabarito da Prova de Soldado Temporário

1-D 2-C, 3-E, 4-A, 5-C, 6-B, 7-C, 8-A, 9-D, 10-E,

Um comentário:

  1. só errei 2 questões e fiz em pouquíssimo tempo, otimas questoes

    ResponderExcluir