Seguidores

domingo, 11 de dezembro de 2011

Concurso público – Cargo: Papiloscopista - Prova de língua portuguesa - 2006

Segue mais uma prova para o cargo público de papiloscopista. Prova preambular do estado do Pará realizada na data 02/04/2006.

Prova de língua portuguesa – concurso público – cargo: Papiloscopista – Polícia civil/PA – 2006

QUESTÃO 1

É voz corrente que a humanidade está vivendo um momento de crise. A excessiva exaltação dos objetivos econômicos, com a eleição dos índices de crescimento como o padrão de sucesso ou fracasso dos governos, estimulou a valorização exagerada da busca de bens materiais. Isso foi agravado pela utilização dos avanços tecnológicos para estimular o consumismo e apresentar maliciosamente a posse de bens materiais supérfluos como padrão de sucesso individual. A conseqüência última desse processo foi a implantação do materialismo e do egoísmo na convivência humana, sufocando-se os valores espirituais, a ética e a solidariedade.

(Dalmo Dallari)

Assinale a opção que não está de acordo com as idéias do texto acima.

a) A crise que a humanidade está vivendo envolve o abafamento de valores espirituais, da ética e da solidariedade.
b) A busca de bens materiais provém da excessiva valorização dos índices de crescimento como padrão de sucesso das nações.
c) O consumismo foi estimulado por meio dos avanços tecnológicos que apresentam os bens materiais como forma de sucesso individual.
d) O processo de valorização exagerada dos bens materiais atenua a manifestação do egoísmo na convivência entre as pessoas.

QUESTÃO 2

1          Do ponto de vista de sua origem, de sua etimologia, a palavra preconceito
     significa pré-julgamento, ou seja, ter idéia firmada sobre
     alguma coisa que ainda não se conhece, ter uma conclusão antes de
4   qualquer análise imparcial e cuidadosa. Na prática, a palavra
     preconceito foi consagrada como um pré-julgamento negativo a
     respeito de uma pessoa ou de alguma coisa. Ter preconceito ou ser
7   preconceituoso significa ter uma opinião negativa antes de conhecer
     o suficiente ou de obter os elementos necessários para um julgamento
     imparcial. Com base nesses elementos, pode-se estabelecer a seguinte
10 definição: preconceito é a opinião, geralmente negativa, que se tem
     a respeito de uma pessoa, de uma etnia, de um grupo social, de uma
     cultura ou manifestação cultural, de uma idéia, de uma teoria ou de
13 alguma coisa, antes de se conhecerem os elementos que seriam
     necessários para um julgamento imparcial.
     Um ponto que merece especial atenção das pessoas é que, não
16 raro, o preconceito age no interior da mente, insinuando-se
     sutilmente, procurando disfarçar sua verdadeira natureza, para que
     sua influência não seja percebida.

(Dalmo Dallari)

Assinale a opção em que a justificativa de emprego de sinal de pontuação, no texto acima, está incorreta.

a) Na linha 1, as vírgulas isolam uma expressão explicativa.
b) A vírgula empregada na linha 3 separa oração coordenada assindética.
c) Na linha 10, os dois-pontos indicam a citação de outra voz no texto.  
d) No trecho “é que, não raro, o preconceito” (l.15-16), as vírgulas isolam termo adverbial.

QUESTÃO 3

Considerando os trechos abaixo, que constituem um texto, assinale a opção incorreta no que se refere ao emprego das classes de palavras e suas flexões.

a) A técnica de estabelecer freios ao poder na linha da tradição ocidental não é o único caminho possível para a vigência dos direitos humanos.
b) Não é da essência de um regime de direitos humanos a separação entre o domínio jurídico e os outros domínios da existência humana, como os domínios religioso, moral e social.
c) O Ocidente repetirá hoje os mesmos erros do passado se insistir na existência de um modelo único para a expressão e a proteção dos direitos humanos.
d) Estados Unidos e Europa desrespeitaram a autonomia de destino de cada povo se tentarem impor sua verdade, sua economia, seu modo de vida, seus direitos humanos.

(João Baptista Herkenhoff, com adaptações)

QUESTÃO 4

Considerando os trechos abaixo, que constituem um texto, assinale a opção em que há erro de regência.

a) A Inglaterra deu início ao constitucionalismo, como depois veio a ser entendido, quando, em 1215, os bispos e barões impuseram o rei João Sem Terra a Magna Carta. Era o primeiro freio que se opunha ao poder dos reis.
b) O constitucionalismo inglês desencadeou conquistas liberais na sociedade. Apenas o habeas corpus bastaria para assegurar à Inglaterra um lugar proeminente na História do Direito.
c) Sabe-se, contudo, da origem feudal dos grandes documentos ingleses: não eram cartas de liberdade do homem comum. Pelo contrário, eram contratos feudais escritos, nos quais o rei, como suserano, comprometiase a respeitar os direitos de seus vassalos.
d) Não afirmavam direitos humanos, mas direitos de estamentos. Em consonância com a estrutura social feudal, o patrimônio jurídico de cada um era determinado pelo estamento, ordem ou estado a que pertencesse.

QUESTÃO 5

Considerando os trechos abaixo, que constituem um texto, assinale a opção gramaticalmente correta.

a) Nas declarações de direitos, resultantes das revoluções americana e francesa, o sentido universal, está presente.
b) Os direitos do homem e do cidadão, proclamados nessa fase histórica, quer na América, quer na Europa, tinham, entretanto, um conteúdo bastante individualista, que
consagrava a chamada democracia burguesa.
c) Apenas na Segunda etapa da Revolução Francesa, sob a ação de Robespierre e da força do pensamento de Rousseau, proclamam-se direitos sociais do homem: direitos relativos ao trabalho e à meios de existência, direito de proteção contra a indigência, direito à instrução.
d) Entretanto, a realização desses direitos cabia a sociedade e não ao Estado. Salvaguarda-se, assim, a idéia, então vigente, de que o Estado devia abster-se em face a tais problemas.

QUESTÃO 6

Os interesses econômicos das grandes potências aconselharam o encorajamento das reinvidicações(1) dos trabalhadores, em todo o mundo. Era preciso evitar que países onde as forças sindicais eram débeis(2) fizessem concorrência industrial aos países onde essas forças eram mais ativas. Era preciso impedir a vil(3) remuneração da mão-de-obra operária, em prejuízo(4) das economias então dominantes. Assim, razões extremamente estreitas e egoístas geraram a contradição de contribuir para o avanço do movimento operário, em escala mundial.

(João Baptista Herkenhoff, com adaptações)

Assinale a opção em que o número apresentado corresponde à palavra do texto cuja grafia não está de acordo com as normas da língua padrão.

a) 1.
b) 2
c) 3.
d) 4.

QUESTÃO 7

A dimensão social da democracia marcou o primeiro grande salto na conceituação dos direitos humanos. A afirmação dos direitos sociais surgiu da constatação da fragilidade dos direitos liberais, no sentido de que o homem, a favor do qual se proclamavam liberdades políticas, não satisfez ainda necessidades primárias: alimentar-se, vestir-se, morar, ter condições de saúde, ter segurança diante da doença, da velhice, do desemprego e de outros percalços da vida.

(João Baptista Herkenhoff, com adaptações)

Assinale a opção que está de acordo com as idéias do texto acima.

a) Do primeiro salto na definição dos direitos humanos decorre o caráter social da democracia.
b) A fragilidade dos direitos liberais constitui a dimensão social da democracia.
c) A afirmação dos direitos sociais proveio da constatação de que o homem, para o qual se propunha o direito à liberdade, ainda não havia conquistado suas necessidades primárias.
d) Alimentar-se, vestir-se, morar, ter saúde, ter segurança diante dos percalços da vida foram os primeiros direitos humanos a serem requeridos na história.

QUESTÃO 8

1 A visão dos direitos humanos, modernamente, não se
   enriqueceu apenas com a justaposição dos direitos
   econômicos e sociais aos direitos de liberdade. Ampliaram-se
4 os horizontes. Surgiram os chamados direitos humanos da
   terceira geração, os direitos à solidariedade: a) direito ao
   desenvolvimento; b) direito a um ambiente sadio e
7 ecologicamente equilibrado; c) direito à paz; d) direito de
   propriedade sobre o patrimônio comum da humanidade.

(João Baptista Herkenhoff, com adaptações)

Em relação ao texto acima, assinale a opção correta.

a) O texto é subjetivo, ressente-se de clareza e de concisão, características próprias do texto oficial.
b) Trata-se de um texto de natureza narrativa, que apresenta fatos e personagens agindo no tempo e no espaço.
c) O nível de formalidade, as escolhas vocabulares e a impessoalidade da linguagem do texto estão adequados a textos de correspondências oficiais.
d) O emprego do pronome “se” em “se enriqueceu” (l.1-2) e em “Ampliaram-se” (l.3) contribui para tornar o texto pessoal e subjetivo.

GABARITO

1 – D     2 – C     3 – D     4 – A     5 – B     6 – A     7 – C     8 – C

PREPARE-SE PARA OS PRINCIPAIS VESTIBULARES DO PAÍS. ADQUIRA AGORA MESMO O PROGRAMA 500 TEMAS DE REDAÇÃO!

https://www.facebook.com/Veredas-da-L%C3%ADngua-229251657086673/

www.veredasdalingua.blogspot.com.br

Leia também:

3 comentários:

  1. quando serão as provas do concurso de 2012

    ResponderExcluir
  2. Caro professor Mauricio.
    Meu irmão acabou de fazer o curso no Instituto Marconi e pediu para que eu entrasse no blog para ele "Inaldo Manuel da Silva". Muito informativo então gostaria que me enviasse o gabarito do simulado para alunos do Marconi.
    email: g.senhoritanila@gmail.com

    ResponderExcluir