Seguidores

quinta-feira, 31 de março de 2016

Instituto Mauá – 2011 – Prova de Língua Portuguesa e Redação

Instituto Mauá de Tecnologia – Vestibular 2011 – Prova de Língua Portuguesa e Redação


REDAÇÃO

Sem ultrapassar vinte linhas, componha uma redação com o título:

A infância vê naturalmente verde. (Machado de Assis)

QUESTÕES DISSERTATIVAS

O texto a seguir serve de base para as questões 11 a 14:

            Vindo agora pela Rua da Glória, dei com sete crianças, meninos e meninas, de vário tamanho, que iam em linha, presas pelas mãos. A idade, o riso e a viveza chamaram-me a atenção, e eu parei na calçada, a fitá-las. Eram tão graciosas todas, e pareciam tão amigas que entrei a rir de gosto. Nisto ficaria a narração, caso chegasse a escrevê-la, se não fosse o dito de uma delas, uma menina, que me viu rir parado e disse às suas companheiras:
            – Olha aquele moço que está rindo para nós.
            Esta palavra me mostrou o que são olhos de crianças. A mim, com estes bigodes brancos e cabelos grisalhos, chamaram-me moço! Provavelmente dão este nome à estatura da pessoa, sem lhe pedir certidão de idade.
            Deixei andar as crianças e vim fazendo comigo aquela reflexão. Elas foram saltando, parando, puxando-se à direita e à esquerda, rompendo alguma vez a linha e recosendo-a logo. Não sei onde se dispersaram; sei que daí a dez minutos não vi nenhuma delas, mas outras, sós ou em grupos de duas. Algumas destas carregavam trouxas ou cestas, que lhes pesavam à cabeça ou às costas, começando a trabalhar, ao tempo em que as outras não acabavam ainda de rir. Dar-se-á que a não ter carregado nada na meninice devo eu o aspecto de “moço” que as primeiras me acharam agora? Não, não foi isso. A idade dá o mesmo aspecto às coisas; a infância vê naturalmente verde. Também estas, se eu risse, achariam que “aquele moço ria para elas”, mas eu ia sério, pensando, acaso doendo-me de as sentir cansadas; elas, não vendo que os meus cabelos brancos deviam ter-lhes o aspecto de pretos, não diziam coisa nenhuma, foram andando e eu também.

(Machado de Assis)

Questão 11) O que motivou o narrador a alongar-se no seu relato?

Questão 12) Em que diferem os dois grupos de crianças?

Questão 13) Apresente justificativa do narrador para as crianças vistas por último não o terem chamado de moço.

Questão 14) Siga o modelo, respondendo no caderno de respostas:

1) Vindo aqui, você saberá onde as crianças se dispersaram.
2) Se você viesse aqui, saberia onde as crianças se dispersaram.
a) 1) Vendo aquelas crianças, você vai rir de gosto.

2) ...
b) 1) Refazendo o mesmo caminho, você descobrirá outra realidade.
2) ...


Nenhum comentário:

Postar um comentário